quinta-feira, 6 de agosto de 2009

O AMOR...


" O AMOR ACUMULOU, SE AGLOMEROU PELAS VEIAS, ENTUPIU AS
ARTÉRIAS, VAZOU DO CORAÇÃO...BUSCA UMA SAÍDA,
ENTRE O AMANHECER, O PÔR-DO-SOL E AS ESTRELAS...
PRECISA CABER NA VIDA "...(M.M.D./2007)

O que você tem feito com sua vida???
está deixando esse amor aí, que eu tenho certeza
que existe em você, escondido, ou está deixando ele
fluir...naturalmente??

¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨
bj na alma!!
aguardo vcs no outro blog,
mundo de ariel,link ao lado!

9 comentários:

  1. Eu tenho deixado ele fluir naturalmente...
    Só assim consigo ser mais feliz!

    Um beijo carinhoso para você!

    ResponderExcluir
  2. Elane,

    Eu cultivo o amor, todo dia eu rego essa flor que existe no meu coração. E você viu que sonho? Aff, ainda bem que foi sonho...rs

    Ei, amei a foto do seu avatar... ficou bem fatal!

    Beijo grande, menina linda.

    Rebeca

    -

    ResponderExcluir
  3. Menina, seu post hoje foi como se voce apontasse o dedo pra mim, parece que falou direto comigo, ligou pro meu telefone, me senti assim na hora que li me encaixei. Eu já te falei sobre isso, por aqui, por email, ja tocamos tanto no assunto que voce já sabe tudo, mas vamos lá, vou mudando as palavras..rs..rs...se voce quiser ficar comigo conversando sobre o amor, escrevendo sobre o amor, colocando acordes no amor, trocando ideias sobre o amor, ficaremos por muito tempo parados num banquinho em frente ao mar, pelo sol e pela lua, violões e coisa e tal, penso que conseguiria falar muito dele, na epoca em que ele viveu comigo, sofreu comigo, sentiu comigo ao meu lado, ouviria toda a sua historia, fariamos comparações, mas acrescento um pouco, posso até estar enganado, mas acho que ainda não me curei, tenho medo dele, sei que ele é bom, sei que ele é sereno e carinhoso, penso tudo no que ele tem de bom, dai vem o outro lado, não quero sofrer aquilo tudo de novo, não quero me sentir daquele jeito novamente, não quero chorar em vão por madrugadas e madrugadas, não quero nova fase de recuperação, sei lá, ainda to meio perdido, penso ser bem mais facil falar e escrever sobre ele, mas viver com ele, aquele amor romantico, aquele do brilho nos olhos, aquele que diz, se é pra me jogar da ponte e for com voce eu vou, acho que ele não existe mais, ou entao nao me encontrou, ou eu nao o encontrei, é muito bom amar, mas é perigoso, não sei o que to fazendo da minha vida, jamais disse que nao queria o amor de novo, ele é que nao apareceu ainda, é tudo muito contraditorio pra mim...beijos no seu coração, fique com Deus e tenha um lindo final de semana de paz....adorei seu post, me fez refletir...

    ResponderExcluir
  4. acredito no poder das palavras e na ternura dos sentimentos traduzidos em forma de poesia, vc consegue transmitir isso no seu blog e com certeza em seu sorriso... sou sua fã.
    Abraço
    Pri.

    ResponderExcluir
  5. Lane, o amor não entope artérias. Se assim for, na melhor das hipóteses, provocaria um infarto ou um AVC. Amor de verdade faz bem, flui pelas veias e pelos poros. Transpira e transborda felicidade. Beijos, amiga!

    ResponderExcluir
  6. O meu?!? Está fluindo rápido demais, estou em pânico pois estou ficando sem nada, seca. Fazer o que? Esperar e sonhar.

    Beijos linda
    Bom final de semana

    Adriana

    ResponderExcluir
  7. Felizes as pessoas que tem você por perto.Generosidade preciosa, amizade verdadeira. O mundo é da forma que minha utopia acredita. O amor é a resposta pra tudo. Seu fim de semana será maravilhoso. Abraços, henrique augusto (PeP)

    ResponderExcluir
  8. Tereza,vc tem razao,kkk,mas esse entupiu as artérias aqui,foi no sentido de ter adentrado em todo o corpo, ter tomado conta de tudo...mas no sentido real, realmente, causaria um avc do amor,kkkk

    ResponderExcluir
  9. Eu pensei, me encaixei, mas jamais teria essa pretensão de que foi pra mim...rs..rs...mas voce já leu meu coração mesmo, já conversamos tanto sobre isso né? Olha, eu sempre digo isso, não é que eu nao queira o amor, sempre fica essa impressão, o que eu digo é que houve uma epoca na minha vida que eu sai loucamente atras dele, encontrei algo que me pareceu ser ele, nao foi, sofri, chorei, demorei a me recuperar, saia com outras pessoas e via aquela, via um sorriso e pra mim era aquele, o negocio virou paranoia, e a pessoa começou a se achar a ultima bolacha do pacote, na realidade eu a coloquei num altar que nem eu mesmo alcancei depois, entendeu? dai ela me esnobou, pisou e coisa e tal, teve ate um post da Lu, depois vai la, Afrodite, em que ela falava de dor de cotovelo, lá eu disse que me curei quando pensei assim, eu sou mais eu, se ela nao me quer, ela nao me merece, quando eu dei linha na pipa e ela sumiu no ceu, me desinteressei, ela passou a me precurar de novo, dizendo que estava errada, que gostava de mim, ou seja, ficou mais do que claro na minha cabeça que ela queria era ser venerada, e quando eu parei sentiu falta, entao um dia eu disse a ela, sabe de uma coisa, eu te amei sim, te amo ainda, mas amo muito mais a mim, rs..rs..rs...e sai dessa, depois eu recebia telefonemas estranhos e bla bla bla, até que hoje nao faço a menor ideia de onde se encontra, venci essa loucura e o que tenho medo é de passar por tudo de novo, começo a sair com uma pessoa e quando ela começa a esperar de mim o famoso eu te amo, o negocio trava...rs..rs...é brabo...e assim vou vivendo e aprendendo...mas quando li seu post hoje foi uma carapuça...rs...rs...rs....beijo minha linda, fique com Deus num lindo final de semana.

    ResponderExcluir

Agradeço suas preciosas palavras!!bj!!

Acredite em você

Acreditar em nossa capacidade interior é questão de sentir, quando você conecta-se ao universo e sente aquela energia preencher-lhe a alma,...