besos

besos

quinta-feira, 29 de julho de 2010

dia a dia, por minha mãe

Hoje acordamos,...Graças a DEUS!!!
Respiramos, levantamos, refletimos...
Cada um tem um jeito especial de ver o mundo...
Apreciar o caminho...as estradas...os matos...a paisagem....as flores....
o colorido das borboletas e o perfume da vida que vale a pena valorizar todos os minutos...Reclamar????As vezes é preciso, mas que não invada a sua alegria, ...
a tristeza tem que ser inferior, pequena...enquanto que a alegria, seja muito superior
para poodermos esquecer problemas, revoltas até, a falta de respeito de alguém, talvez...
Tudo vai acontecendo e tem nos trazido aprendizado, uns aproveitam outros não. O rumo da nossa vida é isso...Temos que entender o propósito do nosso criador, que talvez nos imponha aalgum sacrifício para nos testar se realmente somos bons. 

Margarida Maggi Rebelo Oliveira 
psicopedagoga clínica e educadora
do Estado - Palotina - Pr

terça-feira, 20 de julho de 2010

prosperidade

Prosperidade - Zantina

Prosperidade é um estado de consciência, é preciso treinar a mente para sintonizar esse estado.

É como desejar um belo canteiro de flores no jardim de sua casa: primeiro você cria na sua mente a imagem que deseja, depois toma as providências necessárias para o plantio e crescimento das flores. Se não criar primeiro o jardim na sua mente, não há como conseguir materializá-lo. Quanto mais detalhes puder visualizar – as cores, os tipos de plantas, até o perfume – mais facilmente ele estará de acordo com o desejado.

É preciso manter a mente voltada para a satisfação do resultado. Senão, qualquer pensamento contrário impedirá que se realize, como: “Eu nunca vou conseguir!”, “Essa terra ruim jamais se tornará um jardim”, “As tempestades podem arruinar o meu trabalho!”, “Os outros é que são habilidosos ou tem sorte!” ou “Não vai dar certo!”.

Criamos na mente nossa própria realidade. Assim, quando pensamos em pobreza, tristeza e dificuldades, vivenciamos esses estados de nossa mente. Cada infortúnio é fruto de nossa escolha!

Essa postura mental negativa é um hábito que temos de reconhecer em nós e transformar.

Sintonizar a prosperidade é ter pensamentos e imagens mentais prósperas e felizes para si mesmo e para os outros.

Assim, tudo nos é facilitado – surge alguém que nos empresta ferramentas, ligamos a tv e está começando um programa sobre o plantio da terra, as sementes das flores que desejamos estão em promoção numa loja próxima, a revista na espera do dentista tem uma dica valiosa justamente para nossa maior dificuldade, etc...

São muitos caminhos que se abrem provando que o universo nos favorece.

Podemos iniciar então, nosso futuro próspero, visualizando a prosperidade entrando em nossa mente, na forma de um lindo raio dourado. Essa cor vai preenchendo todos os pensamentos obscuros, desfazendo-os com sua luminosidade, vibrando em todas as células e átomos do nosso corpo, revitalizando e magnetizando tudo que nos cerca.

Vamos escolher, a partir de agora, pensamentos felizes que nos conduzirão a um novo tempo. Vamos buscar nossas próprias experiências de prosperidade!

Paz e Luz!

bjo da Elane

Zantina: Ministra cursos e palestras com temas sobre espiritualidade... dá orientação a médiuns... trabalha com massagem terapêutica.
Site: http://funke.com.br/zantina/paginas/prosperidade.htm
Fale com a autora: zantina@uol.com.br

terça-feira, 13 de julho de 2010

Gostei desse texto...

A Prisão de Cada Um

O psiquiatra Paulo Rebelato, em entrevista para a revista gaúcha Red 32, disse que o máximo de liberdade que o ser humano pode aspirar é escolher a prisão na qual quer viver.

Pode-se aceitar esta verdade com pessimismo ou otimismo, mas é impossível refutá-la.

A liberdade é uma abstração.

Liberdade não é uma calça velha, azul e desbotada, e sim, nudez total, nenhum comportamento para vestir. No entanto, a sociedade não nos deixa sair à rua sem um crachá de identificação pendurado no pescoço.

Diga-me qual é a sua tribo e eu lhe direi qual é a sua clausura.

São cativeiros bem mais agradáveis do que Carandiru (ex-presídio brasileiro de péssimas condições). Para pegar sol, ler livros, receber amigos, comer bons pratos, ouvir música, ou seja, uma cadeia à moda Luis Estevão (parlamentar preso em cela especial), temos que advogar em causa própria e habeas corpus, nem pensar.

O casamento pode ser uma prisão. E a maternidade, a pena máxima ...

Um emprego que rende um gordo salário trancafia você, o impede de chutar o balde e arriscar novos vôos. O mesmo se pode dizer de um cargo de chefia. Tudo que lhe dá segurança, ao mesmo tempo o escraviza.

Viver sem laços igualmente pode nos reter.

Uma vida mundana, sem dependentes para sustentar, o céu como limite: prisão também.

Você se condena a passar o resto da vida sem experimentar a delícia de uma vida amorosa estável, o conforto de um endereço certo e a imortalidade alcançada através de um filho.

Se nem a estabilidade e a instabilidade nos tornam livres, aceitemos que poder escolher a própria prisão já é, em si, uma vitória.

Nós é que decidimos quando seremos capturados, para onde seremos levados. É uma opção consciente. Não nos obrigaram a nada, não nos trancafiaram num sanatório ou num presídio real, entre quatro paredes.

Nosso crime é estar vivo e nossa sentença é branda, visto que outros, ao cometerem o mesmo crime que nós - nascer - foram trancafiados em lugares chamados analfabetismo, miséria, exclusão..

Brindemos: temos todos cela especial!

Martha Medeiros





amigos e amigas, desculpem a ausencia, prometo retribuir o carinho
Bjo na alma,
Elane

quarta-feira, 7 de julho de 2010

Há algo tão bom, tão importante em você que Deus deu somente à você!


    Pare de se queixar do mundo. Pare de culpar a todos! Pare de se culpar! Faça a sua parte!

    Aja em respeito a você mesmo e comece a fazer algo novo e significante. Você é muito competente e muito bom em tudo, tá? Você pode sim fazer muito e pode começar já. Mas primeiro faça por você mesmo, por respeito a esse ser maravilhoso e interessante que você é, e depois para os outros, ok?

    Inicie por acalmando a sua alma, aplainando todos os desentendimentos.... Procure só amar e expanda a sua consciência a sua visão de vida de tal maneira que possa conseguir olhar para o mundo, para a vida de um ângulo diferente, amplo e muito melhor.

    Seja mais tolerante, mais aberto,  mais amoroso! Sempre!  Elimine tudo o que te atrapalha. Elimine a amargura, a crítica, a negatividade que sem querer está carregando e alimentando. Pense só no bem!

    Faça a sua parte! Não acha que o mundo está cheio de gente que além de não contribuir para nada, acaba só atrapalhando? Então! Ajude você o todo, porque isso fará uma enorme diferença em sua vida. Há algo tão bom, tão importante que Deus deu somente a você, viu? O que será que é?

    Pronto! Agora, pense somente na saúde, na alegria, na prosperidade, no amor, na felicidade.... Seja cada vez mais otimista!

    E faça o que precisa ser feito! E bem feito, tá? Siga mais a sua intuição e fique bem mais próximo de Deus!

    
"Nada é melhor para a vida de qualquer criatura do que o amor"

Luis Carlos Mazzini
 foto by Elane
Fiquem com Deus, abço, Elane

quinta-feira, 1 de julho de 2010

sozinhos ou não



Sozinhos ou não, sempre amaremos, sofreremos, sorriremos,
choraremos...
Sozinhos ou não, sempre teremos paz, angústias, tristezas,
alegrias, desespero, medo, razão, insanidade...
Sozinhos ou não, sempre buscamos mais, queremos demais, queremos
de menos, nunca saberemos...apenas vivemos...sozinhos ou não...



... amor é ver o sol no mar e no sal do olhar retirar a doçura do amar...
Elane Rebello 08/09